Postagens

Mostrando postagens de Março 31, 2010

Gravatá ganha complexo ecoturístico com reserva de mata de caatinga

Imagem
A área de 100 hectares é a primeira reserva de caatinga privada em área urbana do Estado.

Situada a 80 Km do Recife, no agreste pernambucano, na microrregião do Vale do Ipojuca, Gravatá se destaca no Nordeste como pólo serrano de atração para o turismo, consagrando atividades hoteleiras, gastronômicas e imobiliárias e, neste sábado (03), vai ampliar estas potencialidades com o lançamento pela PKF Empreendimentos de um projeto diferenciado: o complexo ecoturístico de Karawa tã. O nome em tupi guarani significa “mato que fura”, gênero de planta da família das bromélias também chamada Caroatá,Caroá ou Gravatá. O projeto, concebido pelo arquiteto Paulo Roberto Barros e Silva, localiza-se numa área de 200 hectares, e incorpora práticas ecologicamente corretas e ambientalmente sustentáveis para produzir bens e serviços usando cada vez menos recursos naturais. O empreendimento possui 100 hectares de mata de caatinga em fase de regeneração, já reconhecido como Reserva de Patrimônio Privado Nat…