quarta-feira, 25 de novembro de 2009

O Comitê da Caatinga participa de Seminário em Araripina e Reunião em Serra Talhada.



Foto: IPA


No último dia 19, deste mês de novembro o Coordenador Geral do CERBCAA/PE, Elcio Alves Barros, participou do Seminário Estadual sobre Impactos Ambientais na Área Gesseira , promovido pelo Ministério Público de Pernambuco - MPPE,  proferindo palestra intitulada: "Bioma Caatinga e Desenvolvimento Sustentável". O Seminário ocorreu nos dias 19 e 20 deste mês, no município de Araripina (PE). O encontro, reuniu especialistas de diversas instituições, sendo realizado no Auditório do Centro Tecnológico do Araripe, na Vila Santa Isabel . O público alvo foi  integrantes da atividade, servidores, estagiários, auxiliares do MPPE e representantes dos poderes executivo, legislativo e judiciário, além de pessoas ligadas a Organizações Não Governamentais (ONG’s).

Durante o evento foram discutidos, principalmente, as causas, os agentes externos e as atividades desenvolvidas na região como fator de risco, de trabalho e de desenvolvimento para a população. A Secretaria de Ciência, Tecnologia e Meio Ambiente (SECTMA) apresentou as propostas que o Estado elaborou para enfrentamento às mudanças climáticas. Dentro das propostas existem recomendações para o setor produtivo da região gesseira, entre elas a revisão da matriz energética, quanto ao uso da lenha e carvão, incorporando aspectos ligados ao manejo florestal sustentável como alternativa ao desmatamento autorizado.

Após o evento o coordenador do CERBCAA/PE conversou com o Secretário Executivo de Meio Ambiente da SECTMA-PE, Dr. Hélvio Polito ficando acertada uma audiência com o mesmo e a direção do CERBCAA/PE para a primeira semana de dezembro quando serão tratados assuntos de interesse do CERBCAA/PE, como: alteração na lei do ICMS Sócioambiental de Pernambuco, criação de UCs na Caatinga pernambucana e o projeto de valorização da Caatinga.

No dia seguinte, Elcio Barros, reuniu-se na cidade de Serra Talhada com o Lourinalda Luiza e Homembom Magalhães(bonzinho) que são membros do CERBCAA/PE e participou de uma entrevista numa emissora de rádio local quando além de esclarecer/divulgar as ações do CERBCAA/PE foi informado pelo apresentador do programa que a mesma fará uma pesquisa para saber a opinião dos ouvintes sobre a criação de uma Unidade de Conservação na área que da nome a cidade (Serra Talhada).
Elcio Barros, falou ainda sobre o projeto Bela Caatinga e a próxima reunião do CERBCAA/PE que será realizada na cidade de Floresta/PE nos próximos dias 03 e o4 de dezembro.

Impacto global: Piauí e Pernambuco podem perder até 70% da agricultura. Vai custar mais caro não fazer nada.



Efeitos do aquecimento na agricultura brasileira serão dramáticos. O Ceará pode perder 80% da área fértil. Já Piauí e Pernambuco podem perder entre 60% e 70% da agricultura. Um estudo mostra os efeitos do aquecimento global na economia brasileira. Na agricultura, a água deixou de ser gratuita e passou a ser cobrada.

Conselho Nacional da Reserva da Biosfera da Caatinga se reune na Fundaj para discutir a revisão dos limites da Reserva da Biosfera da Caatinga

                                          Parque Nacional Cavernas do Peruaçu - Crédito: Adriano Gambarini / MMA Recife - Conselheir...