Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2011

Comitê da Caatinga realizou sua XX Reunião Ordinária no IPA com apresentação sobre a UC de Serra Talhada.

Imagem
O destaque da reunião foi a apresentação dos estudos para a UC de Serra Talhada (PE).

O Comitê Estadual da Reserva da Biosfera da Caatinga (CERBCAA-PE) realizou na última quinta-feira(24.02), na sala de reuniões do IPA - Instituto Agronômico de Pernambuco, em Recife (PE), sua XX Reunião Ordinária. Participaram da reunião 10 técnicos representantes da Codevasf, IPA, ICMbio, SEMAS, ASPAN,DNOCS/Apime, Prorural/Apime e Ong EMA.
O evento foi conduzido pelo Secretário Executivo, Marcelo Teixeira/Codevasf, e pelo Coordenador do CERBCAA/PE, Elcio Alves de Barros/IPA, que deu as boas vindas aos presentes e convidou a analista ambiental da SEMAS - Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Marilourdes Guedes, para uma apresentação sobre os estudos e análises para criação da UC de Serra Talhada (PE).  Outros assuntos abordados na reunião foram o projeto Valorização do Bioma Caatinga, que contemplará 17 municípios da Região do Pajeú e a implantação do primeiro sub-comitê da Caatinga e os prepa…

Aves da Caatinga: A ararinha-azul foi confirmada como extinta na natureza.

Imagem
Conservação de algumas espécies está crítico, em perigo ou sob ameaça.

Dezenove especialistas de diversas instituições avaliaram aves da Caatinga e algumas de distribuição mais ampla. Resultado: de 103 espécies, sendo 98 em nível de espécie e cinco em nível de subespécie, uma – a ararinha-azul (Cyanopsitta spixii) – foi confirmada como extinta na natureza. Além disso, outras duas estão criticamente em perigo, nove em perigo, cinco vulneráveis e sete quase ameaçadas, nove com dados insuficientes e 70 em situação menos preocupante. A conclusão é do Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Aves Silvestres (Cemave), do Instituto Chico Mendes. Em breve as fichas das espécies estarão disponíveis no site do ICMBio. A meta do Cemave é realizar até 2014 a avaliação do estado de conservação de todas as aves brasileiras, incluindo os biomas Amazônia, Cerrado e Pantanal. Segundo dados do Comitê Brasileiro de Registros Ornitológicos (CBRO), são mais de 1.800 espécies. A avaliação brasileira da …

Esqueceram o bioma caatinga

Imagem
Frei Sinésio Araújo *

Participei da segunda reunião dos ambientalistas no dia 7 de fevereiro, na Associação “Entra Apulso”, no bairro da Boa Viagem, estavam presentes aproximadamente 50 pessoas oriundas do movimento ambiental organizado e como diz o ditado: cada sardinha busca a sua lata. Fui um observador atento da criação da Secretaria do Meio Ambiente por parte do governo do Estado bem como o processo de adesão do dito Partido e as suas propostas “programáticas” para a área ambiental. É bem verdade que a grande maioria dos ambientalistas desejava uma instituição específica que cuidasse da gestão. Não devemos ser ingênuos e acreditar que a dita Secretária vai resolver todo o passivo ambiental do Estado, pois as soluções precisamente passam pela transversalidade com as outras pastas do Governo e principalmente com a colaboração e participação dos municípios e dos abnegados ambientalistas que são conscientes dos seus limites e possibilidades no embate presente e futuro, pois são consi…

Na Caatinga em Pernambuco, o extrativismo do umbu garante renda para agricultores.

Imagem
O extrativismo do umbu (ou imbu), fruta nativa do Semiárido brasileiro,  gera renda para famílias de agricultores - Foto: Umbu - http://www.midiaville.com.br/
O extrativismo do umbu (ou imbu), fruta nativa do Semiárido brasileiro, está gerando renda para diversas famílias de agricultores na comunidade de Icozeiro, zona rural de Petrolina (PE). Cerca de 20 mulheres foram qualificadas pela Codevasf para comercializar o umbu na forma de polpa, doce, geleia e a fruta in natura. O beneficiamento do umbu é uma das ações do Projeto Pontal Sequeiro, programa oferecido pela Codevasf e desenvolvido pela empresa Projetec, para capacitação e treinamento das famílias desapropriadas pelo projeto irrigado. O umbu colhido na área de sequeiro do Projeto Pontal é vendido para a Associação Comunitária dos Produtores Rurais do Icozeiro por preços que variam conforme a destinação da fruta: mesa ou processamento. De acordo com a vice-presidente da Acopri, Eliete de Souza Rodrigues, a produção de polpa, doce …

Como criar um sistema completo de captação de água da chuva.

Imagem
Um grande diferencial dessa tecnologia, é que as peças permitem que sejam instaladas em casas que já foram construídas, sem necessidade de fazer obras ou adaptações.

A empresa Harvesting do Brasil trouxe no ano passado soluções eficientes e de baixo custo para a captação e utilização de água de chuva, através de uma empresa australiana.
Até então, eram vendidos no Brasil uma tecnologia alemã que não separa o primeiro fluxo de água da chuva que desce do telhado (o que causa uma perda da qualidade da água já que o primeiro fluxo contém muito mais contaminantes), além de ser um sistema muito caro. A novidade, é que esse novo sistema australiano custa apenas 25% do que já existia no mercado, é de fácil instalação, retira esse primeiro fluxo de água que desce pelo telhado, e as cisternas não precisam ser enterradas.
Funcionamento do sistema

O sistema consiste basicamente de duas peças fundamentais:

- Um separador de folhas que é instalado logo abaixo da calha e retira todos os resíduos com m…

Parque Nacional da Capivara na Caatinga do Piauí: um dos mais ricos parques arqueológicos

Imagem
O Parque Nacional Serra da Capivara foi criado em 1979 para proteger a área que abriga um dos mais ricos parques arqueológicos do mundo. Localizado no Estado do Piauí, o Parque guarda registros da ocupação humana que datam de 50 mil anos. Uma série de pinturas rupestres mostra como eram os hábitos e costumes dos homens primitivos. Devido à sua importância histórica, o Parque Nacional da Serra da Capivara faz parte do Patrimônio Cultural Mundial, título concedido pela Unesco, desde 1991. Além da riqueza arqueológica, também tem formações vegetais e geológicas de grande beleza. Fauna A fauna do parque é formada principalmente por espécies do cerrado, como macacos, morcegos, tatus e veados, além de outras como onça pintada, tatu-bola, tamanduá-bandeira. Entre as aves figuram 208 espécies, entre elas o jacu e a codorniz. Flora A caatinga é a vegetação típica do Parque, que guarda formações vegetais características da zona semi-árida do Nordeste. Atrações O percurso aberto ao público é formado…