Postagens

Mostrando postagens de Maio 10, 2011

Novo Código Florestal gera polêmicas. Sem acordo, votação é adiada novamente.

Segundo alguns veículos de imprensa, caso aprovado no Congresso, o código gera controvérsias em torno da flexibilidade na ocupação das encostas e da preservação ambiental dos rios.
Nesta terça (10.05) depois de sucessivas reuniões para se tentar fechar acordo sobre o novo Código Florestal, o líder do governo na Câmara, deputado Cândido Vaccarezza (PT-SP), afirmou que as discussões evoluíram na questão do cultivo em Áreas de Preservação Permanente (APPs), locais mais frágeis (beira de rios, topos de morros e encostas), que devem ter a vegetação original protegida. Apesar disso, permanecia o impasse sobre a isenção da obrigatoriedade de se recompor a reserva legal em propriedades de até quatro módulos fiscais (que pode variar entre 40 e 100 hectares). A reserva legal é a área de mata nativa dentro da propriedade que deve ser preservada.

Entenda como a mudança do Código Florestal afeta a Mata Atlântica e a caatinga no Estado


(Blog Ciência e Meio Ambiente)
A alteração do Código Florestal, co…