Como criar um sistema completo de captação de água da chuva.


Um grande diferencial dessa tecnologia, é que as peças permitem que sejam instaladas em casas
que já foram construídas, sem necessidade de fazer obras ou adaptações.


A empresa Harvesting do Brasil trouxe no ano passado soluções eficientes e de baixo custo para a captação e utilização de água de chuva, através de uma empresa australiana.
Até então, eram vendidos no Brasil uma tecnologia alemã que não separa o primeiro fluxo de água da chuva que desce do telhado (o que causa uma perda da qualidade da água já que o primeiro fluxo contém muito mais contaminantes), além de ser um sistema muito caro. A novidade, é que esse novo sistema australiano custa apenas 25% do que já existia no mercado, é de fácil instalação, retira esse primeiro fluxo de água que desce pelo telhado, e as cisternas não precisam ser enterradas.

Funcionamento do sistema


O sistema consiste basicamente de duas peças fundamentais:

- Um separador de folhas que é instalado logo abaixo da calha e retira todos os resíduos com mais de 1mm (insetos, folhas, animais mortos, penas, etc)

- Um Separador de fluxo que é instalado logo após o separador de folhas, a primeira água da chuva é direcionada para este pequeno reservatório que pode variar dependendo do tamanho do telhado, sendo que dentro do mesmo existe uma bola que faz a vedação do sistema assim que o mesmo é preenchido pela água, o sistema se esvazia automaticamente, pois na base existe um furo calibrado que esgota o sistema deixando o mesmo pronto para ser usado na próxima chuva.
Enquanto o sistema antigo que era vendido no Brasil por em torno de 2.000 reais (sem contar com o valor da mão-de-obra para enterrar a cisterna, refazer o jardim, etc), o sistema australiano da Harvesting pode ser comprado por 530 reais na Loja Virtual da Harvesting. Também é possível encontrar diferentes kits dos produtos de acordo com a necessidade da sua casa. Você deve considerar a metragem do telhado e a quantidade de água para armazenagem. Estão à venda cisternas de até 10 mil litros.







Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O risco da caatinga virar um deserto"A vegetação típica do Nordeste está literalmente sumindo do mapa

Rio São Francisco - A extinção da caatinga (ESTUDO)